Elaborando Projetos Sociais e Culturais

De segunda a sexta! Sempre um vídeo novo!

Órgãos Públicos Ligados à Cultura Caem em Mãos não Profissionais

304 visualizações

Órgãos públicos ligados à cultura caem em mãos não profissionais!

Fico triste com a indicação de profissionais não especialista para cargos técnicos ou que exijam conhecimento muito específico.
Fica comigo hoje vou falar sobre algumas das últimas sugestões de nomes para a cultura.

Sem me ater a outros ministérios ou segmentos da administração pública vou ficar só com as áreas e órgãos de alguma forma ligados à cultura.
Em um despacho da presidência da República publicado no último dia 21 de fevereiro, no Diário Oficial da União, o senhor presidente pede o encaminhamento ao Senado Federal, para apreciação, como de praxe, de dois nomes para integrarem a diretoria da Agência Nacional do Cinema (Ancine) – dois nomes ligados à igreja evangélica: Edilásio Barra e Verônica Brendler.
O Sr. Edilásio está na ANCINE desde 2019. Pastor e colunista social está sendo indicado para ocupar agora o cargo de diretor substituto da Diretoria Colegiada da Ancine. Já a Sra. Veronica Brendler se apresenta como cineasta e gestora cultural, e é adepta e usuária de leis de incentivo à cultura, é diretora do Festival Internacional de Cinema Cristão.
Em janeiro todo o núcleo de administração e pesquisa da Fundação Casa de Rui Barbosa foi demitido sofrendo ainda cortes em repasses financeiros com a explicação de readequação administrativa. A presidente Letícia Dornelles, nomeada em 2019 tem em seu currículo a importante ocupação de apresentadora de TV, roteirista e escritora. Sem denegrir ou dizer que essas atividades não são honrosas mas não habilitam um profissional para uma Fundação que tem realizado importante contribuição a cultura brasileira.
Houve ainda a escolha de Sérgio Nascimento de Camargo para a Fundação Palmares, cuja nomeação foi suspensa depois de ter soado mal uma declaração dele sobre negros . Militante de direita, Camargo se define “contrário ao vitimismo e ao politicamente correto”. Ele nega a existência de racismo, motivo pelo qual condena datas como a da Consciência Negra e, também, a importância do nome de Zumbi dos Palmares para a história brasileira.
Sem contar o troca troca do responsável pela pasta da cultura. Primeiro ia extinguir órgão, depois decidiu-se por colocar ele sob o Ministério da Cidadania. Coloca um administrador – Henrique Pires (dos indicados o único com experiência de fato na administração e gestão cultural). Só que pede prá sair frente a decisões do presidente com as quais ele não concorda. Assume interinamente o Sr. José Paulo Martins – profissional dos quadros da cultura federal. Em seguida é indicado Ricardo Braga que foi depois realocado em outra pasta. Segue o Sr. Roberto Alvim que foi um desastre ao expor o viés ideológico a ser seguido por este governo. Assume novamente interinamente o Sr. José Paulo Martins que fica até que o convite à atriz Regina Duarte seja feito e aceito. Mesmo sem nunca ter estado sequer perto de uma administração pública espero que ela consiga de alguma forma dar conta do recado e trazer alguma coesão para a cultura.
Mas onde estão os profissionais técnicos que seriam indicados por esse governo?
É isso!

#elaborandoprojetos #culturagerafuturo #culturaéfermento

**************************************************
Inscreva-se no canal e receba mais informações para os seus projetos:
▶ Link do Vídeo: https://youtu.be/ccbS13RbMqc
▶ Canal: http://youtube.com/ElaborandoProjetos
▶ Facebook: http://fb.com/ElaborandoProjetos
▶ Twitter: http://twitter.com/ElabProjetos
▶ Instagram: http://instagram.com/ElaborandoProjetos
**************************************************