Elaborando Projetos Sociais e Culturais

De segunda a sexta! Sempre um vídeo novo!

Qual a Diferença entre Artesanato e Trabalho Manual?

24903 visualizações

Você é artesão? Como você sabe que o que você faz é de fato artesanato?
Onde e quem estabeleceu o que é artesanato?
Vamos ver se a gente acaba com as suas duvidas?
Fica comigo!

Infelizmente a maioria dos profissionais que se entitula ARTESÃO ele de fato
de ARTESÃO não tem nada.
Ops! Já sei, Estou arrumando confusão com o Brasil inteiro.
Então antes de você me bater ou desligar esse video vamos às explicações:
Acontece que o Programa do Artesanato Brasileiro definiu exatamente quem é e o que faz um artesão, quem não é um artesão, quem é um mestre artesão e o que exatamente é o artesanato.
Vamos lá?
Vamos ver como está tudo definido na BASE CONCEITUAL DO ARTESANATO e ainda vou deixar os links na descrição do vídeo para você poder acessar depois.

ARTESÃO - É o trabalhador que de forma individual exerce um ofício manual, transformando a matéria-prima bruta ou manufaturada em produto acabado. Tem o domínio técnico sobre materiais, ferramentas e processos de produção artesanal na sua especialidade, criando ou produzindo trabalhos que tenham dimensão cultural, utilizando técnica predominantemente manual, podendo contar com o auxílio de equipamentos, desde que não sejam automáticos
ou duplicadores de peças.
Então se você está comprando uma peça pronta e pintando, o que você faz não é artesanato.
Se você não preparar a peça desde a sua matéria prima até acabar o produto o que você faz é um BELO E VALORIZADO trabalho manual e não artesanato.

O PAB ainda esclarece quem NÃO É ARTESÃO e lá na Base Conceitual está escrito:

Não é ARTESÃO aquele que:

I - Trabalha de forma industrial, com o predomínio da máquina e da divisão do trabalho, do trabalho assalariado e da produção em série industrial;

Não é ARTESÃO aquele que
II - Somente realiza um trabalho manual, sem transformação da matéria-prima e fundamentalmente sem desenho próprio, sem qualidade na produção e no acabamento;
e Não é ARTESÃO aquele que
III - Realiza somente uma parte do processo da produção, desconhecendo o restante.


É O MESTRE ARTESÃO - quem é ele?

É o Indivíduo que se notabilizou em seu ofício, legitimado pela comunidade que representa e/ou reconhecido pela academia, destacando-se através do repasse de conhecimentos fundamentais da sua atividade para novas gerações.

E ARTESANATO está definido na BASE CONCEITUAL DO ARTESANATO do PAB como o trabalho que compreende toda a produção resultante da transformação de matérias-primas, com predominância manual, por indivíduo que detenha o domínio integral de uma ou mais técnicas, aliando criatividade, habilidade e valor cultural (possui valor simbólico e identidade cultural), podendo no processo de sua atividade ocorrer o auxílio limitado de máquinas, ferramentas, artefatos e utensílios.

E ainda define que o NÃO É ARTESANATO:

I - Trabalho realizado a partir de simples montagem, com peças industrializadas e/ou produzidas por outras pessoas;
II - Lapidação de pedras preciosas;
III - Fabricação de sabonetes, perfumarias e sais de banho, com exceção daqueles produzidos com essências extraídas de folhas, flores, raízes, frutos e flora nacional.
IV - Habilidades aprendidas através de revistas, livros, programas de TV, dentre outros, sem identidade cultural.
§ 2º No Artesanato, mesmo que as obras sejam criadas com instrumentos e máquinas, a destreza manual do homem é que dará ao objeto uma característica própria e criativa, refletindo a personalidade do artesão e a relação deste, com o contexto sociocultural do qual emerge.


Assim senhores ARTESÃOS, informamos que muitas das feiras de artesanato espalhadas nas praças das cidades deste país abrigam trabalhos manuais lindíssimos, com mérito por terem sido confeccionados por hábeis mãos mas que não podemos chamar de ARTESANATO exatamente por não atenderem as especificações do PLANO NACIONAL DO ARTESANATO. Chamemos de forma honrosa esses trabalhos de TRABALHO MANUAL ou MANUALIDADES com todo o respeito e valorização dos trabalhos realizados.

Esperamos ter explicado e que você que de fato é ARTESÃO possa valorizar cada vez mais o seu trabalho demonstrando aos empreendedores dos trabalhos manuais as diferenças.

Links importantes!

http://docplayer.com.br/7335-Base-conceitual-do-artesanato-brasileiro.html

http://www.sutaco.sp.gov.br/publico/noticia.php?codigo=172


**************************************************
Inscreva-se no canal e receba mais informações para os seus projetos:
▶ Link do Vídeo: https://youtu.be/oQLgA_mFBn8
▶ Canal: http://youtube.com/ElaborandoProjetos
▶ Facebook: http://fb.com/ElaborandoProjetos
▶ Twitter: http://twitter.com/ElabProjetos
▶ Instagram: http://instagram.com/ElaborandoProjetos
**************************************************